LIMÃO

LIMÃO (var. tahiti)

Citrus aurantifolia

Propriedades medicinais:

alcalinizante, antianémica, antibiótica, antidepressiva, antiemética, antiescorbútica, antiespasmódica, antiinflamatória, antiséptica, antitérmica, aperiente, bactericida, clareador da pele, depurativa, diaforética, diurética, expectorante, refrescante, sedativa, sudorífera, tônica estomacal, vermífuga, vitaminizante.

Indicações:

infecções em geral, inflamações em geral, obesidade, resfriado, acidez estomacal, gastroenterite, favorecer o aproveitamento do ferro, fermentação gastrointestinal, afecções das vias biliares, acidez gástrica, acne, amigdalite, faringite, artrite, ascite, asma, arteriosclerose, astenia, azia, caspa, câncer, cirrose, colesterol, colelitíase, diabetes mellitus, diarréia, difteria, dispepsia gotosa, disenteria, doenças do fígado, doenças da bexiga, doenças do coração, escorbuto, enjôo, enxaqueca, estomatite, excesso de bílis, febre, feridas, gota, gripe,  hidropisia, hipertensão arterial, icterícia, impurezas no sangue, linfatismo, naúseas, nefrite, nefrolítiase, nevralgia, pedra nos rins, piorréia, pirose, prevenir tosse, reumatismo, soluço, tifo, tuberculose, úlceras em geral.

Parte utilizada:

Folhas, frutos (casca e suco).

Precauções:

Aplicado externamente, não se deve expor a pele ao sol, pois queima e provoca manchas escuras.

A aromaterapia com óleo de limão é contra-indicada para diabéticos e desaconselhada para quem tem pressão baixa. Em doses elevadas o óleo de limão é convulsivo, provoca tremores, delírio e vertigens. Na aromaterapia, o óleo essencial de limão usado em altas doses, por longos períodos de tempo, pode causar hipertensão arterial.

Modo de usar:

  • Óleo essencial de limão na aromaterapia: anemia, astenia, arteriosclerose, congestão hepática, dispepsia, doenças infecciosas, doenças da pele, falta de apetite, flatulência, hipertensão, hiperviscosidade do sangue e reumatismo.
  • Xarope ou extrato fluido de limão: expectorante, fluidificante, combater secreção catarral; o xarope caseiro com mel, tem a mesma aplicação.
  • Suco de limão em gargarejos: inflamações na boca e na garganta.
  • Meio limão num copo de água morna tomado em jejum: regimes detox e de emagrecimento.
  • Suco ou refresco de limão (limonada sem açúcar), temperar saladas e molhos.
  • A casca, as folhas e as flores do limoeiro são usadas em chás e xaropes.
  • Casca, em pedaços ou em raspas, condimento aromático ou matéria-prima essencial para doces, compotas, pudins, tortas, balas, cremes, recheios, suspiros, caldas etc.
  • 2 gotas de limão e 1 colher (sobremesa) de óleo de amêndoas e 2 colheres (sopa) de açúcar: esfoliante natural para as mãos e os joelhos (os terpenos do limão ajudam a clarear as manchas e os cristais pentaédricos do açúcar removem células mortas).
  • Suco do limão misturado ao açúcar e água em ceras de depilação caseiras.
  • Óleo essencial de limão na aromaterapia estética: prevenir varizes e a eliminar acne de peles oleosas.
  • Óleo essencial: formulação industrial de xampus, sabonetes, produtos de higiente bucal, cremes e óleos.
  • Uso externo, sumo do limão misturado com açúcar, até formar uma pasta, é ótimo no tratamento da acne, da pele cansada e da oleosidade excessiva.
  • Uso externo, o sumo serve para clarear as mãos e amaciar as cutículas endurecidas, na cabeça, ele diminui a oleosidade do couro cabeludo e elimina a caspa.

Cura pelo limão:

Durante 19 dias tomar o suco de limão, começando pelo suco de uma unidade. No segundo dia de dois limões e assim sucessivamente até atingir no décimo dia 10 limões. A partir daí ir diminuindo um por dia até que termine o tratamento no 19º dia tomando o suco de um limão.

O poder desintoxicante do limão:

É importante ressaltar que todas as propriedades terapêuticas do limão se integram e resultam no benefício geral à saúde humana.

Além de alcalinizante, mineralizante, bactericida e tantas outras funções benéficas, a outra propriedade terapêutica importante do limão é a de ser um agente desintoxicante com ação eu diria moderada e inteligente. Ou seja, o poder do limão de alcalinizar todos os líquidos corporais e assim harmonizar todo o metabolismo é que lhe confere esta possibilidade de inteligência e moderação.

O limão regula o intestino. Se você está com o intestino solto, ele irá regular. Se você está com o intestino preso, que é o mais comum em nossa sociedade, ele irá regular.

Mas, o poder desintoxicante do limão não se restringe aos intestinos, pois, como dito anteriormente, ele é um forte aliado do bom funcionamento do fígado, como também auxiliar na desintoxicação dos pulmões, pele e rins.

Aí estão os cinco órgãos excretores: intestinos, fígado, pulmões, pele e rins.

Logicamente, quando sabemos que o limão tem o poder de alcalinizar todos os líquidos corporais, estamos falando da harmonização de todos os sistemas de trocas e transportes do corpo humano. Ou seja, o corpo humano adulto é constituído por cerca de 65% de água, cuja função básica é levar nutrientes, realizar transformações físico-químicas, energéticas e elétricas, mas também de facilitar a eliminação, a saída do organismo, de todas as toxinas, venenos e excretas. Seja via fezes, expiração, urina, transpiração e outros mecanismos como lágrimas, tosse, menstruação e orgasmo.

Portanto, quando o limão favorece na maior eficiência das trocas hídricas de todos os processos metabólicos, estamos falando de uma eficiência do organismo, com todos os seus cinco sistemas excretores integrados, estarem ativos, vivos, para desintoxicar-se, e livrar-se, o mais rápida e eficientemente, dos seus venenos, toxinas e excretas.

Tal situação, se provocada diariamente, irá determinar não só a prevenção de várias doenças, como também a tonificação destes cinco sistemas.

Assim, desfazendo um engano gerado por um dito popular que o limão afina o sangue, apesar deste dito nos induzir a pensar que isto é ruim, ele tem um fundo de verdade. O que falta para acertar este engano é afirmar que o limão, desde que corretamente usado – não com caipirinhas – desintoxica e limpa o sangue. Claro que se o sangue estava cheio de colesterol e triglicérides, ele vai afinar o sangue. Mas até que ponto? Até o ponto onde o sangue ficará isento destes excessos e voltará inteligentemente até o seu ponto ideal, de equilíbrio. Com esta limpeza do excesso de colesterol e triglicérides, as pessoas poderão controlar de forma natural a hipertensão e outros problemas cardiovasculares.

Da mesma forma, o excesso de glicose, de adrenalina, de cortisol, de cristais e de células mutantes; poderão ser eliminados pelos cada vez mais eficientes, órgãos excretores. Ao eliminar excessos de glicose pode-se conseguir um melhor controle da diabetes e da hipoglicemia. Ao eliminar excessos de adrenalina, pode-se conseguir melhora do estresse, ansiedade e mais relaxamento. Ao eliminar o excesso de cortisóis, pode-se melhorar quadros de melancolia, tristeza, depressão e envelhecimento precoce.

E, aqui, a expressão adstringente pode também ser empregada, pois, ao não deixar aglomerados de gorduras como o colesterol e o triglicérides e de cristais como os cálculos renais ou vesicais e de células como os cistos, miomas e tumores se perpetuarem, o limão passa a ter parte do mérito por esta propriedade terapêutica. O limão com suas propriedades adstringentes, portanto, de ajudar (ou inviabilizar) na dissolução de aglomerados de cristais e células gordurosas. Externamente, esta sua propriedade já está bem conhecida e explorada, pois a medicina estética já o considera excelente para tratar problemas de pele e couro cabeludo oleosos.

O consumo diário de uma limonada sem açúcar pode ser um bom tratamento terapêutico para prevenir e até adiar o desenvolvimento de cálculos renais, alem de favorecer a absorção de ferro e cálcio.

Quanto aos sucos desintoxicantes, eles devem sempre conter frutas, folhas, raízes, sementes, brotos e limão como um ingrediente quase cativo em todas as receitas. Tais ingredientes, para cumprirem o papel a que se destinam, ou seja, ativar o sistema imunológico, devem estar frescos, crus e idealmente isentos de agrotóxicos. Os sucos desintoxicantes, enquanto para uso terapêutico, devem ser preparados sem açúcar ou adoçantes, porém estão liberadas as frutas doces e secas. Devem ser ingeridos imediatamente após seu preparo, evitando assim a oxidação dos nutrientes da receita. Podem ser ingeridos dois ou mais sucos desintoxicantes por dia; entretanto, o primeiro deles sempre deverá ser em jejum, uns 20-30 minutos antes do café da manhã.

Através dos sucos desintoxicantes diários, duas ou mais vezes por dia, torna-se-á possível a manutenção de um organismo eficientemente limpo e alcalinizado.

Fontes:
http://www.plantamed.com.br
http://www.docelimao.com.br

***

“Faz de teu alimento tua medicina”
Hipocrates de Cos

aterracura_cabecera.jpg

Saúde e Felicidade para Todos os Seres!

Dr. Esteban Andrejuk
esteban.andrejuk@me.com

AVISO IMPORTANTE:
As informações deste site têm apenas finalidade educacional. Não devem ser usadas para diagnosticar, tratar, curar, mitigar ou prevenir qualquer doença, muito menos substituir os cuidados médicos adequados.
As plantas têm mais de um princípio ativo e alguns princípios ativos podem ser contraindicados para o usuário, por isso consulte sempre um especialista.
Tome cuidado especial ao manusear ervas e as mantenha longe das crianças.
Os autores, administradores e colaboradores deste site não se responsabilizam pelo uso incorreto das informações aqui publicadas.

Licença Creative Commons
O trabalho A TERRA CURA de Dr. Esteban Andrejuk foi licenciado com uma Licença Creative Commons – Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Não Adaptada.
Com base no trabalho disponível em http://www.aterracura.wordpress.com.
Podem estar disponíveis autorizações adicionais ao âmbito desta licença em http://www.aterracura.wordpress.com/contato/.

About these ads

One thought on “LIMÃO

  1. Grazie per il vostro articolo, mi sembra molto utile, prover senzaltro a sperimentare quanto avete indicato c’ solo una cosa di cui vorrei parlare pi approfonditamente, ho scritto una mail al vostro indirizzo al riguardo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s